A Fazenda

Zezeti e Ademir

Compositor: Luiz Carlos Garcia / Rogério

Os lírios brancos do campo
Outra vez voltaram a florescer
A fazenda está bonita
A paisagem verde dá gosto de ver
E ao chegar a primavera
Ganha mais vida esse meu sertão
Os lírios brancos como véu
Parecem a cópia do céu
Igual uma constelação

E quando chega a tardezinha
No horizonte um raio de sol
Um rouxinol se põe a cantar
Seu cantar é tão sublime
Que silencia os outros cantares
Seu gorjeio se expande nos ares
Anunciando na fazenda a paz

A natureza na fazenda
Parece sorrir ao alvorecer
Aves de muitas espécies
Proclamando juntas o amanhecer
O sol aponta atrás da serra
Parece orgulhoso com tanta alegria
Um sorriso de criança
Me faz lutar com esperança
No decorrer de um novo dia


E quando chega a tardezinha
No horizonte um raio de sol
Um rouxinol se põe a cantar
Seu cantar é tão sublime
Que silencia os outros cantares
Seu gorjeio se expande nos ares
Anunciando na fazenda a paz


Seu gorjeio se expande nos ares
Anunciando na fazenda a paz

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital